Carregando... aguarde
Em Vermelho-2017-06-30 - Guia das Artes
Em Vermelho
Evento encerrado
Em Vermelho
Quando aconteceu
Sexta, 30 Junho até Domingo, 01 Outubro
Local
MASP
Avenida Paulista, 1578 - Bela Vista
Conteúdo

Henri de Toulouse-Lautrec (1864-1901) foi um dos artistas europeus mais importantes da virada do século 19 para o século 20, momento decisivo para a arte moderna e palco para as transformações políticas, econômicas e sociais que até hoje marcam a vida nas cidades. O MASP apresenta a mais ampla exposição dedicada ao artista no Brasil, abarcando toda a sua produção, desde os primeiros anos, na década de 1880, até o fim de sua vida, e reunindo 75 obras e 50 documentos. Toulouse-Lautrec em vermelho faz alusão ao salão de entrada de uma luxuosa maison close parisiense, que o artista frequentou nos anos 1890 e onde criou uma relação de amizade com as mulheres que ali trabalhavam. Extrapolando os interiores do salão vermelho, a exposição traz uma profusão de personagens — burgueses, boêmios, trabalhadores, dançarinas e artistas que conviviam em Paris e que fizeram parte do círculo afetivo e artístico de Toulouse-Lautrec.

Toulouse-Lautrec em vermelho se divide em cinco núcleos. O primeiro deles apresenta o mundo das maison closes — “casas fechadas”, em francês — e revela o carinho e a simpatia do pintor em relação às mulheres retratadas. As três obras centrais são apresentadas num painel vermelho, evocando o famoso salão de entrada da maison La Fleur Blanche [A Flor Branca], em Paris. O segundo núcleo da exposição reúne outras representações de mulheres — algo a que Toulouse-Lautrec dedicou especial atenção —, reunindo lavadeiras, modelos de ateliê, burguesas e nobres, e assim evidenciando ou questionando seu papel social. O terceiro núcleo da exposição é dedicado a retratos masculinos. Ao contrário do que ocorre nas representações femininas, conhecemos os nomes de todos os homens na pinturas de Toulouse-Lautrec incluídas na exposição, um sintoma eloquente da discriminação entre homens e mulheres e do papel que cada um exerce na sociedade, na história e na cultura visual. Finalmente, o quarto e o quinto núcleos trazem representações da vida noturna, com seus cabarés, bares, restaurantes e casas de espetáculo que proliferaram em Paris depois que a cidade começou a ser iluminada pela luz elétrica. Aqui vemos diversos personagens, como os trabalhadores que à noite frequentavam o Moulin de la Galette e tentavam esquecer a dura jornada de trabalho, a célebre dançarina Jane Avril (1868-1943) ou o debochado dono de cabaré Aristide Bruant (1851-1925), imortalizados em grandes cartazes que anunciavam seus espetáculos e que acabaram por marcar profundamente a paisagem urbana. Toulouse-Lautrec em vermelho apresenta também uma seleção de 50 documentos, entre cartas, bilhetes, telegramas e fotografias do artista e de seu círculo, que constituem uma memória viva daquela época.

Num contexto mais amplo das histórias da sexualidade e das representações de gênero, a exposição de Toulouse-Lautrec dialoga com as mostras de Teresinha Soares, Wanda Pimentel, Miguel Rio Branco e Tracey Moffatt. Num segundo momento, se relacionará com as de Pedro Correia de Araújo em agosto, Guerrilla Girls em setembro e, em outubro, com a coletiva Histórias da sexualidade.

Contato
Telefone: +55 (11) 3149-5959
* Os horários podem variar em função de férias e feriados. Recomendamos ligar antes para verificar.
Como chegar
Compartilhe
Comente
Mais Opções em "São Paulo"
0,0Km - MASP - O MASP é um museu privado sem fins lucrativos...
Saiba mais
0,1Km - Corpo a Corpo - a disputa das imagens, da fotografia à transmissão ao vivo
Saiba mais
0,3Km - Leilões Esporádicos ou Beneficentes - 2017-10-23 -
Saiba mais
0,6Km - Teatro Gazeta - Localiza-se na Avenida Paulista, em São Paulo.
Saiba mais
0,9Km - Teatro Frei Caneca - O espaço também permite a realização de eventos coorporativos de todos os segmentos.
Saiba mais
0,9Km - Galeria Luisa Strina - Em 2014 a Galeria Luisa Strina completou 40 anos de atividade Luisa abriu sua galeria em 1974.
Saiba mais
0,9Km - Teatro Augusta - Localiza-se na Rua Augusta, na cidade de São Paulo.
Saiba mais
0,9Km - Von Brusky Escritório de Arte -
Saiba mais
0,9Km - Galeria nicoli - DESIGN ART GALLERY
Saiba mais
0,9Km - Teatro Ruth Escobar - A montagem de estréia foi "A Ópera dos Três Vinténs", de Bertolt Brecht, sob a direção de José Renato, configurando, desde o início, o caráter revolucionário desta casa de espetáculos.
Saiba mais
1,0Km - Dconcept- Dirigido por Cecilia Isnard e localizado em vila projetada por Flávio de Carvalho, nos Jardins, o escritório mantém em acervo obras de Adriana Coppio, Catherine Ferraz, Cecilia Dequech, Clarice Gonçalves, Daniella Liu Herzog, Dione Veiga, Felipe Oliveira
Saiba mais
1,0Km - Galeria Mapa -
Saiba mais
1,4Km - Chão em chamas - Joa?o Castilho apresenta se?ries fotogra?ficas e objetos
Saiba mais
1,4Km - Zip’Up: Plano Imaginado - Conjunto de obras, entre desenho, escultura e instalac?a?o.
Saiba mais
1,5Km - Satoyama - Curadoria de Felipe Ribenboim
Saiba mais
1,5Km - Espuma - Na mostra “Espuma”, Kohei Nawa exibe uma instalação transitória feita com um ambiente azul, iluminação programada, onde uma espécie de montanha de espuma ou nuvens se modificam como elemento orgânico condicionado ao ciclo de nascimento e destruição
Saiba mais
2,2Km - Contemplação - Sandra M.
Saiba mais
2,3Km -9° Salão dos Artistas Sem Galeria 2017/2018 - INSCRIÇÕES ABERTAS!
Saiba mais
2,4Km - Aloisio Cravo - 2017-10-23 -
Saiba mais
2,4Km - Xogum de Todas as Cores e Texturas - Wakabayashi
Saiba mais