Carregando... aguarde
Museu de Ciência e Tecnologia - Guia das Artes
Museu de Ciência e Tecnologia
amanhã às 08:30h
Museus
Museu de Ciência e Tecnologia
Horários de funcionamento
dom
seg
08:30
17:30
ter
08:30
17:30
qua
08:30
17:30
qui
08:30
17:30
sex
08:30
17:30
sab
Local
Avenida Jorge Amado, s/n. Imbuí
Conteúdo
O Museu de Ciência e Tecnologia do Estado da Bahia (MCT), localizado na Avenida Jorge Amado, nos limites dos bairros de Pituaçu e Imbuí, em Salvador, fica situado em uma área de aproximadamente 19.400 m², vizinha ao Parque Metropolitano de Pituaçu, e possui um edifício emblemático de grande significado arquitetônico. O MCT é o primeiro Museu de Ciência e Tecnologia da América Latina tendo sido inaugurado em 17 de fevereiro de 1979, pelo então governador Roberto Santos, com ajuda de especialistas ingleses.O espaço de popularização da ciência estava vinculado à reitoria da Universidade do Estado da Bahia (Uneb) até ser transferido, em agosto de 2013, por meio do decreto estadual nº 14.719, para a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti). Em 2015, a Secti apresentou projeto para revitalizar e requalificar o museu, devolvendo à sociedade baiana um equipamento de grande valor patrimonial, cultural, artístico e ambiental, e garantindo sua manutenção continuada.Caracterizado como um espaço privilegiado e de acesso irrestrito, o novo MCT possibilitará, através de exposições permanentes e temporárias, o pleno acesso de crianças, jovens e adultos à compreensão e ao melhor entendimento dos princípios e processos científicos, tecnológicos e de inovações, pela transposição de linguagens especializadas para linguagens acessíveis e captáveis através de modelos experimentais, instalações e equipamentos interativos e expositivos. O Novo MCT se caracterizará com um espaço interativo onde os visitantes poderão não apenas interagir com as instalações, mas também pró-ativamente desenvolver atividades ligadas à cultura, ciência e tecnologia.O MCT possui três espaços. A área externa frontal, o edifício principal e a área externa posterior. A área externa frontal tem acesso desde a Av. Jorge Amado. Nela serão alocados estacionamento para 88 vagas com uma área de 2.820 m², acessos diferenciados para carga e descarga, além de vagas especiais para Portadores de Necessidades Especiais (PNE), próxima ao edifício principal, e um percurso expositivo interativo com uma área de 4.880 m². Ainda na área frontal, o projeto prevê a criação do espaço expositivo “Transportes e Lazer” com aviões, carros antigos, carro de boi, locomotiva, entre outros meios de transporte. Na locomotiva existente, após sua recuperação, será acoplado um vagão adaptado como café e lanchonete, compondo o cenário de uma antiga estação de trem.O edifício principal, com altura aproximada de 8 metros, possui uma área no térreo de 2.522 m² e mais dois mezaninos com 1.381 m² de área total. Propõe-se para o espaço térreo: espaços de exposições permanente e temporárias; espaço receptivo com guarda-volumes e loja especializada; auditório equipado para múltiplas funções com lotação de 200 pessoas com locais reservados para PNE; área técnica para armazenagem de peças do acervo; laboratório de conservação preventiva e manutenção do acervo; setor administrativo para gerenciamento e segurança do museu.Na área dos mezaninos estão previstos espaços para ateliê de criação e desenvolvimento de pesquisas específicas, arte e inovação, e laboratórios experimentais; sala de fabricação digital; estúdio de gravação multimídia e espaços complementários ao ensino formal, que funcionarão através de parcerias com universidades e centros de pesquisa, além de receber artistas que mesclem arte, ciência, tecnologia.O espaço posterior externo possui 4.647 m². Nele se propõe a construção do espaço expositivo “Energias e Sustentabilidade” que exibirá, entre outros, a maquete em escala da Barragem de Sobradinho, modelos de torres eólicas, uma torre de petróleo e elementos geradores de energia, como uma roda d’água, bicicletas e um muro d’água. A área posterior se integrará ao Parque Metropolitano de Pituaçu, possibilitando uma integração visual para essa área de preservação ambiental com a criação de um mirante. Dentro do plano geral, propõe-se formas de interação direta com o parque, através de trilhas ecológicas, para apreciação e identificação de espécies da Mata Atlântica, e outras atividades, assim como a criação de um borboletário que possibilitará o cultivo e a devolução à natureza de espécies que estão em vias de extinção. Do mesmo modo, pretende-se introduzir espécies compatíveis com o ecossistema local e a introdução de um deck com piso transparente para sua apreciação.Dentre outras medidas para garantir sua manutenção e funcionamento continuado estão incluídas ações com vistas à preservação ambiental e aproveitamento de energias renováveis, como a reciclagem de água e instalação de células solares fotovoltaicas na cobertura do edifício principal, garantindo grande parte da energia a ser consumido pelo museu. O Museu também buscará parcerias com entidades e instituições financiadoras.Em segundo plano, porém com grande impacto urbano, a reintrodução do museu ao cotidiano dos baianos trará melhorias e um novo espaço de lazer para as áreas próximas ao MC&T, como os bairros da Boca do Rio, Pituaçu, Patamares e Imbuí. O projeto vai proporcionar um espaço de integração com as comunidades vizinhas, carentes de áreas públicas de qualidade, pois nas áreas externas ao Museu, crianças, jovens e adultos poderão, além de visitar e participar das suas atividades interativas, utilizar essas áreas abertas como espaços lúdicos de convivência.O princípio norteador da revitalização do MCT é a concepção de que o mesmo não se trata de um mero espaço de exposição de objetos, mas de um centro interativo para compreensão e difusão científica e tecnológica focado na experimentação e no entendimento dos fenômenos, com a participação pública e de setores de produção de conhecimentos nacionais e internacionais, com atividades abrangendo um amplo espectro do conhecimento humano e de seu desenvolvimento tecnológico e científico, funcionando como mediador entre a comunidade científica e a sociedade em geral, sendo esta a usuária final objeto de todo processo.O Projeto de Reabilitação Arquitetônica e Revitalização Museal e Expográfica propõe a recuperação total do espaço, respeitando sua pré-existência física e ambiental, prevendo a reabertura do MCT no prazo mínimo de 2 anos, dividido em 3 grandes metas subdivididas em diversas etapas. Algumas etapas se sobrepõem no tempo, sem quebra de continuidade nas ações e obras a serem realizadas até a conclusão final do projeto.
Informações adicionais
As metas são descritas a seguir:1ª Meta – Estruturação Geral e Recuperação da Área Frontal do MCT eInstalação da Exposição Transportes e Lazer2ª Meta - Recuperação do Espaço Físico do Edifício e Instalação da ExposiçãoCiência e Tecnologia3ª Meta - Recuperação da Área Posterior do MCT e Instalação daExposição Energias e Sustentabilidade.
Contato
telefones: (71) 3371-0148 (Ramal 221) / 3231-9368

fax: (71) 3231-9368

e-mail: museu@uneb.br; museu@lista.uneb.br
* Os horários podem variar em função de férias e feriados. Recomendamos ligar antes para verificar.
Como chegar
Compartilhe
Comente
Mais Opções em "Bahia"
4,3Km - Museu do Colégio Militar de Salvador - No dia 5 de abril de 1989 foi criado o Museu do CMS pelo coronel Francisco Ronald Silva Nogueira - Comandante da Escola de Administração do Exército, visando à preservação da história do Colégio após a sua desativação em 1988.
Saiba mais
5,2Km - CINE PASEO -
Saiba mais
7,6Km - Museu Henriqueta Catharino - Sólida e ricamente construído, com pisos de mármore e madeira, largos ambientes, e espaçosas circulações ao redor das escadas, o casarão que abriga a Fundação Instituto Feminino da Bahia que deslumbra pela arquitetura, desafiará o visitante a imaginar ali
Saiba mais
7,7Km - Museu da Gastronomia Baiana - O museu já é um espetáculo só por sua arquitetura. Ao entrar, cumpre-se um circuito que começa nas Muralhas de Santa Catarina, o mais antigo e importante marco arqueológico de Salvador, que estão destacadas com projeto luminotécnico e painel apresentando
Saiba mais
7,7Km - Museu da Ordem Terceira do Carmo - O Museu da Ordem Terceira do Carmo compreende um acervo sacro entre a igreja, sacristia, a Casa da Mesa, Casa dos Santos e antiga senzala. É na Casa dos Santos que está a imagem doSenhor Morto, que sai em procissão pelas ruas do Centro Histórico na Sext
Saiba mais
7,7Km - Museu Náutico da Bahia - O Museu Náutico da Bahia é único do gênero em todo o estado, reunindo valioso acervo de achados arqueológicos submarinos,uma coleção de instrumentos de navegação e sinalização náutica, maquetes, miniaturas de embarcações de variada origem e uma mostra per
Saiba mais
7,7Km - Museu Portas do Carmo - O museu é na verdade parte de espessa sapata de muralha encontrada no Largo do Pelourinho durante os trabalhos de restauração, em 1973, onde foram erguidas as primeiras construções de Salvador. Além de sua própria instalação a história do Brasil colonial
Saiba mais
7,7Km - Museu de Arte Moderna da Bahia - O acervo atual do MAM-BA é composto por mais de 1200 peças, de diversas linguagens, suportes, tradições e lugares do mundo. A coleção foi se formando por transferências do Museu do Estado da Bahia, atual Museu de Arte da Bahia (MAB), e por doações ao long
Saiba mais
7,8Km - Museu do Presépio de Salvador - O museu abriga uma antiga coleção de presépios de diversos materiais e técnicas de autoria do fundador do museu, Celso Oliveira.
Saiba mais
8,0Km - Museu Ilê Ohun Lailai - O acervo é composto por insígnias, indumentária, mobiliário, medalhas e utensílios domésticos, vivenciando assim as influências etno-culturais dos yorubá na Bahia.
Saiba mais
873,4Km - Exposição reúne obras de 100 artistas potiguares no Museu Café Filho, em Natal - Mostra tem início nesta quarta-feira (1º) e segue até o dia 15 de setembro. Fotografia de arte, escultura, instalação, pintura e grafite estão entre as produções.
Saiba mais
1.211,3Km - Anna Bella & Lygia & Mira & Wanda -
Saiba mais
1.220,2Km - NOVÍSSIMOS 2018 - COLETIVA COM 12 NOVOS ARTISTAS DEBATE IMPORTÂNCIA DA ARTE CONTEMPORÂNEA
Saiba mais
1.223,8Km - Circuito de arte contemporânea do museu do açude ganha obras permanentes- CIRCUITO DE ARTE CONTEMPORÂNEA DO MUSEU DO AÇUDE GANHA OBRAS PERMANENTES DE WALTERCIO CALDAS, ANGELO VENOSA E JOSÉ RESENDE
Saiba mais
1.235,4Km - Bruno Almeida Maia , em entrevista para o GuiaDasArtes - Bruno Almeida Maia , ministrante do curso Constelações Visionárias , a relação entre moda , arte e filosofia nos concedeu a ótima entrevista que se segue :
Saiba mais
1.458,6Km - GALERIA TÁTIL- A Pinacoteca do Estado apresenta exposição com 12 esculturas táteis, em bronze, que fazem parte do acervo do museu. A seleção das obras foi realizada considerando a indicação do público com deficiências visuais que participou de visitas orientadas ao acer
Saiba mais
1.458,6Km - Arte no Brasil: Uma história na Pinacoteca de São Paulo. Vanguarda brasileira dos anos 1960 - Coleção Roger Wright - A mostra de longa duração celebra o comodato de 178 obras estabelecido em março de 2015 entre a Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, a Pinacoteca e a Associação Cultural Goivos, responsável pela Coleção Roger Wright.
Saiba mais
1.458,6Km - Galeria José e Paulina Nemirovsky - Arte moderna - Essa é uma exposição única e especial, que percorre grande parte do cenário histórico-cultural brasileiro do século XX. Sem contar que ampliamos de 49 para 110 obras essa mostra, todas emblemáticas e de reconhecimento internacional. Estamos muito satisfei
Saiba mais
1.458,6Km - Galeria José e Paulina Nemirovsky - Arte Moderna - A mostra é uma reorganização e ampliação da exposição sobre o Modernismo.
Saiba mais
1.458,9Km - ESCULTURAS NO PARQUE DA LUZ- O Parque da Luz, também conhecido como Jardim da Luz, conta com área de aproximadamente 113 mil m² . Foi criado como horto botânico por uma Ordem Régia da Coroa Portuguesa em 19 de novembro de 1798 foi aberto ao público em 1825 como Jardim Botânico já no
Saiba mais