Carregando... aguarde
"Artemtudo" está no ar e comenta fatos do cotidiano através da arte - Guia das Artes
"Artemtudo" está no ar e comenta fatos do cotidiano através da arte
"Artemtudo" está no ar e comenta fatos do cotidiano através da arte
A crítica Sylvia Werneck e o jornalista Henrique Luz lançam um canal que debate temas como o poder, o racismo e o futuro registrados pelos artistas
inserido em 2021-01-29 12:51:26
Conteúdo

 

Com uma linguagem visual dinâmica, o canal Artemtudo está no ar desde o início de janeiro.

Convida o espectador a debater e refletir sobre temas do cotidiano através das pinturas, desenhos, gravuras, instalações e vídeos de artistas brasileiros e internacionais.

Sylvia Werneck e Henrique Luz: parceiros no Artemtudo – Foto: Divulgação

O projeto é da crítica e curadora Sylvia Werneck, doutorada pelo Programa de Pós-Graduação Integração da América Latina – Prolam/USP, e do fotógrafo e jornalista Henrique Luz, da Escola de Comunicações e Artes da USP. Racismo, poder, a trajetória social e política da humanidade estão no roteiro que traz a arte de todos os tempos e países…

Veja o primeiro vídeo do Artemtudo com a história do negro e do racismo no Brasil através do trabalho de quatro artistas: o dramaturgo, político, pintor e pessoa-chave na luta antirracista, Abdias Nascimento, que nasceu em 1914 em Franca, São Paulo, e morreu em 2011. Também destaca a artista Rosana Paulino, graduada no Departamento de Artes Visuais da ECA-USP, que registra a memória do negro e da escravidão. Participam também Dalton Paula apresentando os rituais da religiosidade afro e a fotógrafa Marcela Bonfim, que traz o cotidiano das famílias tradicionais negras na Amazônia, importantes para o seu desenvolvimento no século 20.

 

 

Sem título – série Sumaré, de Alex Flemming – Foto: Henrique Luz

“O Artemtudo nasceu de uma vontade de aproximar as pessoas da arte através de assuntos que as afetam em suas vidas fora dos muros dos museus, galerias, feiras e Bienais”, explica Sylvia. “Acredito que só absorvemos conhecimento quando ele faz sentido no mundo real. E acredito no potencial transformador da arte, mas este potencial só pode florescer quando o contato com a arte provoca reflexão, quando faz com que pensemos criticamente sobre os acontecimentos com os quais a arte se relaciona.”

Levar a arte para todos é uma ideia que Sylvia vem burilando há cinco anos. “Um projeto em latência como muitos que tenho. No ano passado, ele fluiu como uma coisa pronta, inclusive com o nome da pessoa a quem eu proporia parceria, o Henrique Luz, que tem sua empresa de audiovisual, a Lumière Cultural. Rapidamente ele agregou várias sugestões e soluções, criou o nome Artemtudo e fez a trilha sonora.”

Contra la guerra, de Violeta Parra – Foto: Divulgação

A abertura do canal tem a animação de Leila Monsegur. É uma sequência criativa de desenhos que sintetiza a expectativa do projeto e brinca com imagens de obras de vários artistas. “Nosso objetivo é mostrar que os artistas são pessoas como todas as outras, mas a gramática que eles usam para falar sobre o mundo é visual. É uma poesia, um grito, ou até um sussurro, mas é visual. Então, uma pincelada pode apresentar violência e gritar em uma explosão de cores”, observa Henrique Luz. “Uma figura de gelo derretendo pode representar a fragilidade da vida e a passagem do tempo. Cada artista é livre para falar de uma maneira que chega pelos olhos com o objetivo de tocar o coração. A função do Artemtudo é ajudar a traduzir essa gramática visual do artista”, completa Sylvia Werneck.

 

 

 

Fonte: https://jornal.usp.br/cultura/artemtudo-esta-no-ar-e-comenta-fatos-do-cotidiano-atraves-da-arte/

Compartilhe
Comente
Últimos eventos
Qua
27/Jul
Bruno Almeida Maia , em entrevista para o GuiaDasArtes - Bruno Almeida Maia , ministrante do curso Constelações Visionárias , a relação entre moda , arte e filosofia nos concedeu a ótima entrevista que se segue :
Saiba mais
Dom
31/Jul
Circuito de arte contemporânea do museu do açude ganha obras permanentes- CIRCUITO DE ARTE CONTEMPORÂNEA DO MUSEU DO AÇUDE GANHA OBRAS PERMANENTES DE WALTERCIO CALDAS, ANGELO VENOSA E JOSÉ RESENDE
Saiba mais
Sáb
12/Dez
MAM recebe exposição com obras de Hélio Oiticica - Mostra conta com cem obras relacionadas ao ritmo, música e dança
Saiba mais
Sex
18/Dez
Obra de Beatriz Milhazes é exposta no Itaú Cultural e no Masp - Simultaneamente nos dois espaços, a exposição ocorre até 30 de maio de 2021. A visitação deve ser agendada nos sites de ambas as instituições
Saiba mais
Qui
21/Jan
CATARSIS - Abertura: dia 21 de janeiro, quinta-feira, às 18h
Saiba mais
Seg
25/Jan
ArTeMs - Exposição coletiva - Em cartaz até 23 de março de 2021 em São Paulo
Saiba mais
Qua
27/Jan
Encontros Culturais do Ecomuseude Santa Cruz (virtual) - Encontros Culturais do Ecomuseu de Santa Cruz
Saiba mais
Qua
27/Jan
Véxoa: nós sabemos (ou o que não sabemos) - Mostra na Pinacoteca é uma reescrita das artes e deve ser vista para além do marco de primeira dedicada às produções indígenas
Saiba mais
Dom
31/Jan
Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro– Espaço Vivo - Museu Histórico da Cidade do Rio de Janeiro– Espaço Vivo
Saiba mais
Qui
04/Fev
GESTUALIDADE - Abertura: dia 3 de fevereiro, quarta-feira, às 18h
Saiba mais