Carregando... aguarde
Ziraldo Alves Pinto principais obras - Guia das Artes
Ziraldo Alves Pinto
Informações
Nome:
Ziraldo Alves Pinto
Nasceu:
Caratinga - MG - Brasil (24/10/1932)
Biografia

Ziraldo (1932) é um cartunista, desenhista, jornalista, cronista, chargista, pintor e dramaturgo brasileiro. É o criador do personagem de quadrinhos infantil “O Menino Maluquinho”. Foi um dos fundadores da revista humorística “O Pasquim”.

Ziraldo Alves Pinto (1932) nasceu em Caratinga, no Estado de Minas Gerais, no dia 24 de outubro de 1932. Em 1954, trabalhou num jornal Folha de Minas. Formou-se em Direito na Universidade Federal de Minas Gerais, em 1957 e no mesmo ano foi trabalhar na revista O Cruzeiro, publicação de grande prestígio na época.

Em 1960 lançou a revista em quadrinhos: “A Turma do Saci Pererê”, a primeira feita por um só autor e a primeira feita em cores no Brasil. Em 1963 ingressou no Jornal do Brasil. Em 1964 lançou a revista “O Pasquim”, da qual participavam diversos críticos do regime militar, como os cartunistas Jaguar e Henfil.

Em 1969, Ziraldo lançou seu primeiro livro infantil “FLICTS”. Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", um dos maiores fenômenos editoriais no Brasil. O livro foi adaptado para o teatro, televisão, quadrinhos, videogames e cinema.

As obras de Ziraldo já foram traduzidas para diversos idiomas e publicadas em revistas conhecidas internacionalmente, como a inglesa Private Eye, a francesa Plexus e a americana Mad.

Em 2008, Ziraldo recebeu o VI Prêmio Ibero Americano de Humor Gráfico Quevedos. O prêmio recebido pelo cartunista deveu-se à importância social e artística do autor.

Ziraldo é autor de mais de 130 livros e participa da Oficina de Texto, que transformam alunos em parceiros de grandes autores do cenário nacional.

Ziraldo tem dois filhos, a cineasta Daniela Thomas e o compositor Antônio Pinto.

Principais Obras

Obras de Ziraldo:

  • Flicts (1969)
  • Jeremias, o Bom (1969)
  • O Planeta Lilás (1979)
  • O Menino Maluquinho (1980)
  • A Bela Borboleta (1980)
  • O Bichinho da Maçã (1982)
  • O Joelho Juvenil (1983)
  • Os Dez Amigos (1983)
  • O Menino Mais Bonito (1983)
  • O Pequeno Planeta Perdido (1985)
  • O Menino Marrom (1986)
  • O Bicho Que Queria Crescer (1991)
  • Este Mundo é Uma Bola (1991)
  • Um Amor de Família (1991)
  • Cada Um Mora Onde Pode (1991)
  • Vovó Delícia (1997)
  • A Fazenda Maluca (2001)
  • A Menina Nina (2002)
  • As Cores e os Dias da Semana (2002)
  • Os Meninos Morenos (2004)
  • O Menino da Lua (2006)
  • Uma Menina Chamada Julieta (2009)
  • O Menino da Terra (2010)
  • Diário de Julieta (2012)
Outras imagens
Colabore conosco
Você tem informações sobre este artista ou acredita que algum dos tópicos do conteúdo está errado?
clique aqui e colabore conosco enviando sua sugestão, correção ou comentários.
Nome
Email
Mensagem
Enviar
Peças sendo leiloadas, compre agora
iArremate leilões
19 de Maio às 20:30

Ziraldo
Série signos
80 x 60 cm
Fine Art PA
Sagittarius

Em 1954 começou no jornal Folha da Manhã, atual Folha de S.Paulo.
Rm 1957 estava na revista O Cruzeiro
Em 1963 no Jornal do Brasil
Em 1960 lançou a primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor, alcançando uma das maiores tiragens da época. Em 1986 a Editora Primor relançou e na década de 1990 novamente a Editora Abril relança em forma de almanaque.
Em 1960, no 32º Salão Internacional de Caricaturas de Bruxelas, recebeu o "Nobel" Internacional de Humor
Em 1960 recebeu o prêmio Merghantealler, principal premiação da imprensa livre da América Latina.
Foi fundador e posteriormente diretor do periódico O Pasquim.
Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", maior sucesso editorial, mais tarde adaptado para televisão e cinema.
Ilustrações de Ziraldo já figuraram em publicações internacionais como as revistas "Private Eye" da Inglaterra, "Plexus" da França e "Mad", dos Estados Unidos.
iArremate leilões
19 de Maio às 20:30

Ziraldo
Série signos
80 x 60 cm
Fine Art PA
Pisces

Em 1954 começou no jornal Folha da Manhã, atual Folha de S.Paulo.
Rm 1957 estava na revista O Cruzeiro
Em 1963 no Jornal do Brasil
Em 1960 lançou a primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor, alcançando uma das maiores tiragens da época. Em 1986 a Editora Primor relançou e na década de 1990 novamente a Editora Abril relança em forma de almanaque.
Em 1960, no 32º Salão Internacional de Caricaturas de Bruxelas, recebeu o "Nobel" Internacional de Humor
Em 1960 recebeu o prêmio Merghantealler, principal premiação da imprensa livre da América Latina.
Foi fundador e posteriormente diretor do periódico O Pasquim.
Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", maior sucesso editorial, mais tarde adaptado para televisão e cinema.
Ilustrações de Ziraldo já figuraram em publicações internacionais como as revistas "Private Eye" da Inglaterra, "Plexus" da França e "Mad", dos Estados Unidos.
iArremate leilões
19 de Maio às 20:30

Ziraldo
Série signos
80 x 60 cm
Fine Art PA
Leo

Em 1954 começou no jornal Folha da Manhã, atual Folha de S.Paulo.
Rm 1957 estava na revista O Cruzeiro
Em 1963 no Jornal do Brasil
Em 1960 lançou a primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor, alcançando uma das maiores tiragens da época. Em 1986 a Editora Primor relançou e na década de 1990 novamente a Editora Abril relança em forma de almanaque.
Em 1960, no 32º Salão Internacional de Caricaturas de Bruxelas, recebeu o "Nobel" Internacional de Humor
Em 1960 recebeu o prêmio Merghantealler, principal premiação da imprensa livre da América Latina.
Foi fundador e posteriormente diretor do periódico O Pasquim.
Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", maior sucesso editorial, mais tarde adaptado para televisão e cinema.
Ilustrações de Ziraldo já figuraram em publicações internacionais como as revistas "Private Eye" da Inglaterra, "Plexus" da França e "Mad", dos Estados Unidos.
iArremate leilões
19 de Maio às 20:30

Ziraldo
Série signos
80 x 60 cm
Fine Art PA
Scorpio

Em 1954 começou no jornal Folha da Manhã, atual Folha de S.Paulo.
Rm 1957 estava na revista O Cruzeiro
Em 1963 no Jornal do Brasil
Em 1960 lançou a primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor, alcançando uma das maiores tiragens da época. Em 1986 a Editora Primor relançou e na década de 1990 novamente a Editora Abril relança em forma de almanaque.
Em 1960, no 32º Salão Internacional de Caricaturas de Bruxelas, recebeu o "Nobel" Internacional de Humor
Em 1960 recebeu o prêmio Merghantealler, principal premiação da imprensa livre da América Latina.
Foi fundador e posteriormente diretor do periódico O Pasquim.
Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", maior sucesso editorial, mais tarde adaptado para televisão e cinema.
Ilustrações de Ziraldo já figuraram em publicações internacionais como as revistas "Private Eye" da Inglaterra, "Plexus" da França e "Mad", dos Estados Unidos.
iArremate leilões
19 de Maio às 20:30

Ziraldo
Série signos
80 x 60 cm
Fine Art PA
Gemini

Em 1954 começou no jornal Folha da Manhã, atual Folha de S.Paulo.
Rm 1957 estava na revista O Cruzeiro
Em 1963 no Jornal do Brasil
Em 1960 lançou a primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor, alcançando uma das maiores tiragens da época. Em 1986 a Editora Primor relançou e na década de 1990 novamente a Editora Abril relança em forma de almanaque.
Em 1960, no 32º Salão Internacional de Caricaturas de Bruxelas, recebeu o "Nobel" Internacional de Humor
Em 1960 recebeu o prêmio Merghantealler, principal premiação da imprensa livre da América Latina.
Foi fundador e posteriormente diretor do periódico O Pasquim.
Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", maior sucesso editorial, mais tarde adaptado para televisão e cinema.
Ilustrações de Ziraldo já figuraram em publicações internacionais como as revistas "Private Eye" da Inglaterra, "Plexus" da França e "Mad", dos Estados Unidos.
iArremate leilões
19 de Maio às 20:30

Ziraldo
Série signos
80 x 60 cm
Fine Art PA
Capricornus

Em 1954 começou no jornal Folha da Manhã, atual Folha de S.Paulo.
Rm 1957 estava na revista O Cruzeiro
Em 1963 no Jornal do Brasil
Em 1960 lançou a primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor, alcançando uma das maiores tiragens da época. Em 1986 a Editora Primor relançou e na década de 1990 novamente a Editora Abril relança em forma de almanaque.
Em 1960, no 32º Salão Internacional de Caricaturas de Bruxelas, recebeu o "Nobel" Internacional de Humor
Em 1960 recebeu o prêmio Merghantealler, principal premiação da imprensa livre da América Latina.
Foi fundador e posteriormente diretor do periódico O Pasquim.
Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", maior sucesso editorial, mais tarde adaptado para televisão e cinema.
Ilustrações de Ziraldo já figuraram em publicações internacionais como as revistas "Private Eye" da Inglaterra, "Plexus" da França e "Mad", dos Estados Unidos.
iArremate leilões
19 de Maio às 20:30

Ziraldo
“Tarzan e Jane”
Acrílica sobre tela
Medidas: 190 x 130 cm.
2017

Em 1954 começou no jornal Folha da Manhã, atual Folha de S.Paulo.
Rm 1957 estava na revista O Cruzeiro
Em 1963 no Jornal do Brasil
Em 1960 lançou a primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor, alcançando uma das maiores tiragens da época. Em 1986 a Editora Primor relançou e na década de 1990 novamente a Editora Abril relança em forma de almanaque.
Em 1960, no 32º Salão Internacional de Caricaturas de Bruxelas, recebeu o "Nobel" Internacional de Humor
Em 1960 recebeu o prêmio Merghantealler, principal premiação da imprensa livre da América Latina.
Foi fundador e posteriormente diretor do periódico O Pasquim.
Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", maior sucesso editorial, mais tarde adaptado para televisão e cinema.
Ilustrações de Ziraldo já figuraram em publicações internacionais como as revistas "Private Eye" da Inglaterra, "Plexus" da França e "Mad", dos Estados Unidos.
iArremate leilões
19 de Maio às 20:30

Ziraldo
Série signos
80 x 60 cm
Fine Art PA
Aries

Em 1954 começou no jornal Folha da Manhã, atual Folha de S.Paulo.
Rm 1957 estava na revista O Cruzeiro
Em 1963 no Jornal do Brasil
Em 1960 lançou a primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor, alcançando uma das maiores tiragens da época. Em 1986 a Editora Primor relançou e na década de 1990 novamente a Editora Abril relança em forma de almanaque.
Em 1960, no 32º Salão Internacional de Caricaturas de Bruxelas, recebeu o "Nobel" Internacional de Humor
Em 1960 recebeu o prêmio Merghantealler, principal premiação da imprensa livre da América Latina.
Foi fundador e posteriormente diretor do periódico O Pasquim.
Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", maior sucesso editorial, mais tarde adaptado para televisão e cinema.
Ilustrações de Ziraldo já figuraram em publicações internacionais como as revistas "Private Eye" da Inglaterra, "Plexus" da França e "Mad", dos Estados Unidos.
iArremate leilões
19 de Maio às 20:30

Ziraldo
Série signos
80 x 60 cm
Fine Art PA
Virgin

Em 1954 começou no jornal Folha da Manhã, atual Folha de S.Paulo.
Rm 1957 estava na revista O Cruzeiro
Em 1963 no Jornal do Brasil
Em 1960 lançou a primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor, alcançando uma das maiores tiragens da época. Em 1986 a Editora Primor relançou e na década de 1990 novamente a Editora Abril relança em forma de almanaque.
Em 1960, no 32º Salão Internacional de Caricaturas de Bruxelas, recebeu o "Nobel" Internacional de Humor
Em 1960 recebeu o prêmio Merghantealler, principal premiação da imprensa livre da América Latina.
Foi fundador e posteriormente diretor do periódico O Pasquim.
Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", maior sucesso editorial, mais tarde adaptado para televisão e cinema.
Ilustrações de Ziraldo já figuraram em publicações internacionais como as revistas "Private Eye" da Inglaterra, "Plexus" da França e "Mad", dos Estados Unidos.
iArremate leilões
19 de Maio às 20:30

Ziraldo
Série signos
80 x 60 cm
Fine Art PA
Libra

Em 1954 começou no jornal Folha da Manhã, atual Folha de S.Paulo.
Rm 1957 estava na revista O Cruzeiro
Em 1963 no Jornal do Brasil
Em 1960 lançou a primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor, alcançando uma das maiores tiragens da época. Em 1986 a Editora Primor relançou e na década de 1990 novamente a Editora Abril relança em forma de almanaque.
Em 1960, no 32º Salão Internacional de Caricaturas de Bruxelas, recebeu o "Nobel" Internacional de Humor
Em 1960 recebeu o prêmio Merghantealler, principal premiação da imprensa livre da América Latina.
Foi fundador e posteriormente diretor do periódico O Pasquim.
Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", maior sucesso editorial, mais tarde adaptado para televisão e cinema.
Ilustrações de Ziraldo já figuraram em publicações internacionais como as revistas "Private Eye" da Inglaterra, "Plexus" da França e "Mad", dos Estados Unidos.
iArremate leilões
19 de Maio às 20:30

Ziraldo
Série signos
80 x 60 cm
Fine Art PA
Taurus

Em 1954 começou no jornal Folha da Manhã, atual Folha de S.Paulo.
Rm 1957 estava na revista O Cruzeiro
Em 1963 no Jornal do Brasil
Em 1960 lançou a primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor, alcançando uma das maiores tiragens da época. Em 1986 a Editora Primor relançou e na década de 1990 novamente a Editora Abril relança em forma de almanaque.
Em 1960, no 32º Salão Internacional de Caricaturas de Bruxelas, recebeu o "Nobel" Internacional de Humor
Em 1960 recebeu o prêmio Merghantealler, principal premiação da imprensa livre da América Latina.
Foi fundador e posteriormente diretor do periódico O Pasquim.
Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", maior sucesso editorial, mais tarde adaptado para televisão e cinema.
Ilustrações de Ziraldo já figuraram em publicações internacionais como as revistas "Private Eye" da Inglaterra, "Plexus" da França e "Mad", dos Estados Unidos.
iArremate leilões
19 de Maio às 20:30

Ziraldo
Série signos
80 x 60 cm
Fine Art PA
Aquarius

Em 1954 começou no jornal Folha da Manhã, atual Folha de S.Paulo.
Rm 1957 estava na revista O Cruzeiro
Em 1963 no Jornal do Brasil
Em 1960 lançou a primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor, alcançando uma das maiores tiragens da época. Em 1986 a Editora Primor relançou e na década de 1990 novamente a Editora Abril relança em forma de almanaque.
Em 1960, no 32º Salão Internacional de Caricaturas de Bruxelas, recebeu o "Nobel" Internacional de Humor
Em 1960 recebeu o prêmio Merghantealler, principal premiação da imprensa livre da América Latina.
Foi fundador e posteriormente diretor do periódico O Pasquim.
Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", maior sucesso editorial, mais tarde adaptado para televisão e cinema.
Ilustrações de Ziraldo já figuraram em publicações internacionais como as revistas "Private Eye" da Inglaterra, "Plexus" da França e "Mad", dos Estados Unidos.
iArremate leilões
19 de Maio às 20:30

Ziraldo
Série signos
80 x 60 cm
Fine Art PA
Cancer

Em 1954 começou no jornal Folha da Manhã, atual Folha de S.Paulo.
Rm 1957 estava na revista O Cruzeiro
Em 1963 no Jornal do Brasil
Em 1960 lançou a primeira revista em quadrinhos brasileira feita por um só autor, alcançando uma das maiores tiragens da época. Em 1986 a Editora Primor relançou e na década de 1990 novamente a Editora Abril relança em forma de almanaque.
Em 1960, no 32º Salão Internacional de Caricaturas de Bruxelas, recebeu o "Nobel" Internacional de Humor
Em 1960 recebeu o prêmio Merghantealler, principal premiação da imprensa livre da América Latina.
Foi fundador e posteriormente diretor do periódico O Pasquim.
Em 1980, lançou o livro "O Menino Maluquinho", maior sucesso editorial, mais tarde adaptado para televisão e cinema.
Ilustrações de Ziraldo já figuraram em publicações internacionais como as revistas "Private Eye" da Inglaterra, "Plexus" da França e "Mad", dos Estados Unidos.
Obras deste artista