Carregando... aguarde
Um Basquiat premiado de propriedade do mega-colecionador bilionário Yusaku Maezawa pode arrecadar mais de US $ 70 milhões em leilão nesta primavera - Guia das Artes
Um Basquiat premiado de propriedade do mega-colecionador bilionário Yusaku Maezawa pode arrecadar mais de US $ 70 milhões em leilão nesta primavera
Um Basquiat premiado de propriedade do mega-colecionador bilionário Yusaku Maezawa pode arrecadar mais de US $ 70 milhões em leilão nesta primavera
Maezawa também revelou que planeja construir um museu para abrigar sua coleção.
inserido em 2022-03-04 17:52:06
Conteúdo

 

Basquiat gerou US$ 439,6 milhões em leilão em 2021, o maior valor de todos os tempos para o artista – e perdendo apenas para Pablo Picasso.

A revelação de mais uma remessa de grande sucesso hoje pode adicionar ainda mais combustível ao impulso.

Jean-Michel Basquiat, Untitled (1982). Image courtesy Phillips.

O empresário bilionário japonês Yusaku Maezawa venderá uma de suas premiadas pinturas de Basquiat, a laranja brilhante em grande escala Sem título (1982), na Phillips em 18 de maio. O colecionador a adquiriu da Christie's em maio de 2016 por US$ 57,3 milhões. (Ele foi vendido pelo colecionador e negociante de Nova York Adam Lindemann.) Se o trabalho atingir sua estimativa de US$ 70 milhões, isso significa uma margem de lucro de aproximadamente US$ 12,7 milhões e presumivelmente um lucro considerável para Maezawa após um período de quase seis anos. Phillips confirmou que o trabalho é apoiado por uma garantia de terceiros, o que significa que será vendido independentemente da atividade de licitação.

Até o momento, oito obras de Basquiat foram vendidas por US$ 40 milhões ou mais em leilão, de acordo com o Artnet Price Database. Atualmente, o de Maezawa é o terceiro Basquiat mais caro já vendido publicamente.

Maezawa também é o dono da pintura de Basquiat mais cara já vendida em leilão, uma imagem de uma caveira gigante com fundo azul. Sem título (1982) foi vendido por US$ 110,5 milhões na Sotheby's em maio de 2017.

“Os últimos seis anos com o Untitled de Basquiat não foram nada além de um grande prazer e se tornou uma peça memorável na minha coleção”, disse Maezawa em comunicado. “Acredito que as coleções de arte são algo que deve sempre continuar a crescer e evoluir à medida que o proprietário. Também acredito que deve ser compartilhado para que possa fazer parte da vida de todos.”

Yusaku Maezawa.


Maezawa acrescentou que planeja expor suas coleções em um próximo museu dedicado à sua coleção. Ele estará localizado no Japão, disseram fontes familiarizadas com o planejamento.

No período que antecedeu o leilão, o Basquiat vermelho embarcará em uma turnê internacional a partir de hoje em Londres. Ele viajará para Los Angeles e Taipei antes de seguir para a sede da Phillips em Nova York na 432 Park Avenue.

“Ao olhar para a carreira de Basquiat, 1982 é frequentemente considerado um ponto de inflexão em sua ascensão meteórica à fama internacional”, disse Cheyenne Westphal, presidente global da Phillips. Em 1982, com apenas 21 anos, Basquiat fez seis shows solo ao redor do mundo, incluindo um com sua primeira galerista Annina Nosei, que o estabeleceu como um nome familiar.

Este trabalho em particular é destaque na capa do catálogo raisonné de 1996 do artista. Notavelmente, a Phillips aceitará Ethereum, Bitcoin ou moeda fiduciária para o trabalho.

O leilão de maio chega em um momento particularmente emocionante para Jean-Michel Basquiat. No início de abril, uma exposição marcante – a primeira organizada por seus irmãos, que supervisionam sua propriedade – é inaugurada em Nova York. “Basquiat: King Pleasure” incluirá mais de 200 pinturas, desenhos e coisas efêmeras nunca antes vistas e raramente mostradas.

 

Fonte: Artnet News

Compartilhe
Comente
Últimos eventos
Qua
27/Jul
Bruno Almeida Maia , em entrevista para o GuiaDasArtes - Bruno Almeida Maia , ministrante do curso Constelações Visionárias , a relação entre moda , arte e filosofia nos concedeu a ótima entrevista que se segue :
Saiba mais
Dom
31/Jul
Circuito de arte contemporânea do museu do açude ganha obras permanentes- CIRCUITO DE ARTE CONTEMPORÂNEA DO MUSEU DO AÇUDE GANHA OBRAS PERMANENTES DE WALTERCIO CALDAS, ANGELO VENOSA E JOSÉ RESENDE
Saiba mais
Sáb
04/Dez
"Abdias Nascimento, Tunga e o Museu de Arte Negra" -
Saiba mais
Sáb
22/Jan
“Modernismo. Destaques do acervo“ - Pinacoteca celebra os 100 anos da Semana de Arte Moderna com nova exposição
Saiba mais
Ter
25/Jan
"Abdias Nascimento: um artista panamefricano" - MASP apresenta maior mostra já vista dedicada ao artista e ativista Abdias Nascimento
Saiba mais
Sex
25/Fev
-
Saiba mais
Sex
25/Fev
Volpi popular-
Saiba mais
Ter
08/Mar
“A Beleza Sombria dos Monstros: 13 Anos da Arte de Tim Burton” - Exposição interativa de Tim Burton chega a São Paulo em maio
Saiba mais
Ter
22/Mar
Brecheret, 1922-2022 – Nos Passos da Modernidade -
Saiba mais
Sex
25/Mar
‘Espuma Delirante’ de Rafael Silveira, com curadoria de Baixo Ribeiro -
Saiba mais