Carregando... aguarde
Ilustrações revelam como artistas famosos criam obras-primas em estúdios muito diferentes [entrevista] - Guia das Artes
Ilustrações revelam como artistas famosos criam obras-primas em estúdios muito diferentes [entrevista]
Ilustrações revelam como artistas famosos criam obras-primas em estúdios muito diferentes [entrevista]
inserido em 2021-05-14 16:49:04
Conteúdo

Painting of Andy Warhol in His Studio

Andy Warhol
This post may contain affiliate links. If you make a purchase, My Modern Met may earn an affiliate commission. Please read our disclosure for more info.

 

Podemos aprender muito sobre a prática de um artista em seu estúdio. Esses lugares são o local da magia criativa; e às vezes até aparecem na própria obra. Jackson Pollock, por exemplo, tinha pedaços de seu estúdio - incluindo pontas de cigarro e pregos - embutidos em suas pinturas. O ilustrador Max Dalton captura esses espaços emocionantes e transformadores em sua série de pinturas com artistas em seus estúdios. Suas peças incluem um retrato do artista, bem como obras icônicas que associamos a eles.

Cada imagem encantadora está repleta de detalhes sobre o artista, resultado de uma extensa pesquisa de Dalton. E apesar de pintar o artista, seu foco está menos na pessoa e mais no espaço que ela ocupa. “Curiosamente, todos os estúdios têm histórias interessantes por trás deles e eles estão profundamente conectados ao trabalho do artista”, disse ele ao My Modern Met.

Do estúdio palaciano de Picasso que lembra um museu ao armazém experimental de Warhol, Dalton destaca a importância desses lugares no desenvolvimento da carreira de um criativo. “Tomemos, por exemplo, Jackson Pollock”, diz ele. “Seu trabalho deu uma guinada radical quando ele mudou seu estúdio para o celeiro ao lado de sua casa em East Hampton e começou a pintar no chão. Talvez todas as pinturas pelas quais ele é famoso seriam completamente diferentes se ele não tivesse feito esse movimento. ”

Dalton planeja incluir esta coleção de pinturas em um livro. Conversamos mais com Dalton sobre esta série, bem como seus planos para futuros artistas. Role para baixo para ler a entrevista exclusiva de Dalton com My Modern Met.

Painting of Yayoi Kusama in Studio

Yayoi Kusama

 

Qual é a sua formação artística?

Sou basicamente autodidata em arte. Tirei alguns meses de um curso de pintura a óleo clássica quando tinha 17 anos com Kenneth Kemble, um artista abstrato local que morava nas proximidades e que foi aluno do pintor cubista André Lhote em Paris durante os anos 1950. Além disso, acho que aprendi a desenhar em livros e estudando artistas que admiro.

Painting of Picasso in His Studio

Picasso

 

Como você teve a ideia de retratar artistas famosos em seus estúdios?

Estou mostrando essas imagens pela primeira vez como obras de arte independentes para minha exposição atual no My Art Museum em Seul, na Coreia do Sul. Mas todas essas ilustrações foram planejadas para um livro que também estou escrevendo. Na verdade, o livro está mais focado nas locações do que nos próprios artistas. Curiosamente, todos os estúdios têm histórias interessantes por trás deles e estão profundamente conectados ao trabalho do artista. Tomemos, por exemplo, Jackson Pollock. Seu trabalho deu uma guinada radical quando ele mudou seu estúdio para o celeiro ao lado de sua casa em East Hampton e começou a pintar no chão. Talvez todas as pinturas pelas quais ele é famoso seriam completamente diferentes se ele não tivesse feito esse movimento. Outro exemplo: se você for a Port Lligat, na Catalunha, entenderá um pouco mais o trabalho de Dalí. A luz ali é a mesma luz que você vê em suas pinturas. Tenho certeza de que ele não teria feito o mesmo trabalho em um pequeno apartamento em Manhattan.

Acredito que a ideia surgiu primeiro quando vi há muitos anos o estúdio de Francis Bacon, que foi reconstruído na Hugh Lane Gallery em Dublin. Sempre fui atraído por seu trabalho e quando vi o estúdio, pensei: "Bem, isso faz sentido." Eu pude encontrar uma conexão direta entre o que vi em seu trabalho e o ambiente em que ele trabalhou. Nesse caso, acredito que ambos foram consequências que se uniram depois de sua infância particular.

Painting of Francis Bacon in His Studio

Francis Bacon

 

Que tipo de pesquisa entra neste projeto?

Estou constantemente procurando imagens de referência dos estúdios e lendo muito sobre a vida dos artistas e os lugares onde trabalharam, esperando encontrar histórias interessantes que os conectem a esses lugares. Se eu encontrar o endereço exato do estúdio, não posso deixar de procurá-lo no Street View do Google - se não posso visitá-lo pessoalmente - e caminhar pela vizinhança, tentando imaginar como era naquela época e como era eles viram todos os dias. Não sei se isso ajuda para a obra de arte, mas é divertido de fazer.

Você tem planos de retratar mais artistas?

Sim, as imagens apresentadas na exposição são apenas uma pequena parte da série de estúdios que tenho em mente. Estou planejando Duchamp, Klimt, O’Keeffe, Magritte, Frankenthaler, Motherwell, Varo, Carrington, Dalí, Haring e muitos mais.

Painting of Frida Kahlo in Studio

Frida Kahlo

 

Seu trabalho geralmente apresenta espaços interiores. O que você mais gosta (ou coisas) de representar esses tipos de cenas?

Não sei. Talvez eu faça isso porque dentro de casa é meu ambiente natural. Não saio muito e minha casa e estúdio são uma espécie de santuário onde recrio o mundo da maneira que gosto. Talvez eu sempre faça o mesmo em minhas ilustrações.

Quais são algumas dicas que você daria para aqueles que estão tentando encontrar sua própria voz artística?

Em primeiro lugar, não trabalhe para os espectadores, trabalhe para você mesmo. Se você estiver fazendo, por exemplo, um pôster, faça algo que pendure na parede, não imagine que sua pessoa ideal vai gostar. Minhas piores ilustrações são aquelas quando eu estava tentando agradar outra pessoa, seja um diretor de arte ou um espectador imaginário.

Não tenha medo de ter influências. Todo mundo começou a imitar outra pessoa. Pense que você aprendeu a falar imitando os sons que ouviu de seus pais e então desenvolveu naturalmente sua própria voz e talvez mais tarde sua maneira pessoal de usar essa voz. É o mesmo em qualquer disciplina artística, acredito.

Trabalhe todos os dias. Se sua carreira de artista é importante para você, coloque sua vida social em segundo plano. Porém, se você é um artista, provavelmente ainda não terá uma vida social. A menos que você seja Andy Warhol, ele se safou.

Finalmente, continue. Um estilo é construído após repetir algo indefinidamente. Não importa se ninguém quer ouvir o que você tem a dizer ou se você tem 10 seguidores nas redes sociais. Isso não significa que você não seja bom. Apenas continue.

Painting of Monet Painting a Landscape

Monet

 

Quem são os artistas que influenciaram seu trabalho?

Eles mudaram desde que eu era criança começando a desenhar, mas para citar alguns artistas que sempre gostei: Os Pré-Raphalites (especialmente John William Waterhouse e John Everett Millais), Bosch, Bruegel, Ed Gorey, Pierre Le-Tan , Sempé, William Heath Robinson, Edward Okun, Saul Steinberg, Miroslav Sasek, Winsor McCay, Alice e Martin Provensen, Quentin Blake, Charles Saxon, Ronald Searle, John Alcorn, Adolf Born, Remedios Varo, Frankenthaler, Edward Hopper, Henri Rousseau, Charles White e muitos, muitos mais.

Quem são alguns contemporâneos que o inspiram hoje?

Dos artistas de hoje, eu não diria que eles estão me inspirando, mas gosto de Mark Ryden, Franco Mattichio, Kadir Nelson, Malika Favre, Chris Ware. (Eu gostaria de dizer mais, mas não me lembro agora.)

Painting of Basquiat in Studio

Basquiat

 

O que vem a seguir para você? Há algo interessante que você possa nos contar?

Bem, meu livro de estúdio de artista é um projeto importante. Não sei quando vai ser publicado porque levo muito tempo para pesquisar e escrever todos os textos. Eu também estou projetando o livro, então vai demorar um pouco.

Também está chegando um livro da coleção Wes Anderson, The French Dispatch, que está em produção e até agora está ótimo.

Painting of Jackson Pollock

Jackson Pollock

 

Fonte: My Modern Met

Compartilhe
Comente
Últimos eventos
Sáb
05/Jun
"DIVERSO" - COLETIVA 5 ANOS da CASA J GALERIA DE ARTE -
Saiba mais
Sáb
05/Jun
"DIVERSO" - COLETIVA 5 ANOS da CASA J GALERIA DE ARTE -
Saiba mais
Qua
27/Jul
Bruno Almeida Maia , em entrevista para o GuiaDasArtes - Bruno Almeida Maia , ministrante do curso Constelações Visionárias , a relação entre moda , arte e filosofia nos concedeu a ótima entrevista que se segue :
Saiba mais
Dom
31/Jul
Circuito de arte contemporânea do museu do açude ganha obras permanentes- CIRCUITO DE ARTE CONTEMPORÂNEA DO MUSEU DO AÇUDE GANHA OBRAS PERMANENTES DE WALTERCIO CALDAS, ANGELO VENOSA E JOSÉ RESENDE
Saiba mais
Qua
05/Mai
'ARTE CONTEMPORANEA FEMININA' -
Saiba mais
Sáb
29/Mai
Mostra sobre 'Arte Italiana na Pandemia' será inaugurada em 29/5 - Exposição inédita será realizada na MAC USP até 22 de agosto
Saiba mais
Ter
01/Jun
"Arte Contemporanea Feminina" -
Saiba mais
Sáb
05/Jun
Exposição-
Saiba mais
Seg
14/Jun
"GESTUALIDADE" -
Saiba mais
Sex
18/Jun
Visita virtual à exposição 1981/2021: Arte Contemporânea Brasileira na coleção Andrea e José Olympio Pereira -
Saiba mais