Carregando... aguarde
Paisagem de um Mundo Partido-2024-03-07 - Guia das Artes
Paisagem de um Mundo Partido
Evento encerrado
Paisagem de um Mundo Partido
Quando aconteceu
Quinta, 07 Março até Sexta, 19 Abril
Local
Edifício Argentina – Sala Antonio Berni
Praia de Botafogo, 228 - S/L 201 - Botafogo, Rio de Janeiro - RJ, 22250-040
Conteúdo

 

Artista Gloria Seddon apresenta 43 trabalhos na Sala Antonio Berni,

no Edifício Argentina com curadoria de Alexandre Murucci

 

“Paisagem de um Mundo Partido”, individual da artista plástica argentina Gloria Seddon, inaugura no dia 7 de março, permancendo em cartaz até 19 de abril, no Edifício Argentina. Naturalizada brasileira, a artista convidou Alexandre Murucci para fazer a curadoria desta exposição que celebra seus 25 anos de carreira.

Neste trabalho recente, assim como em outros anteriores, a artista parte de conceitos intensos que resultaram nas séries: ”Urbana”, “Erótica”, “Psicanalítica” e “Ecológica”, algumas dessas figurativas, outras, abstratas.  Em “Paisagem de um mundo partido”, ela parte da verificação de uma “grieta” sócio política no mundo contemporâneo para criar obras abstratas, mas não alheia ao mundo concreto da realidade Gloria transporta o espectador a um mundo de sensações e percepções palpáveis e de sentimentos de angústia e impotência, mas também de esperança, tornando assim o abstrato, devido à sua força visceral, em quase  figurativo.

 

“Na série apresentada nesta individual trago um questionamento sobre o ‘mundo partido’, algo que esteve sempre presente em mim. Foi o que me incitou a criar obras que, mesmo abstratas, pudessem despertar este sentido no espectador. Sempre procurei uma transcendência, superar questões que na adolescência eram mais subjetivas e existenciais; hoje, através da arte, são mais políticas e sociais, inerentes à cidade”, afirma a artista Gloria Seddon. Os nomes foram surgindo ao mesmo tempo em que surgiam as pinturas, e ‘foram pousando nas telas’ na medida em que o trabalho tomava forma como um todo”.

 

Gloria utiliza a técnica de tinta acrílica sobre telas de médios e grandes formatos.

 

“Ao reabrir o embate pictórico de seu percurso para buscar um olhar panorâmico de sua produção dos últimos 25 anos, Gloria Seddon mergulhou numa viagem ao mesmo tempo genômica e emocional. Em sua individual de ampla latitude, a artista revisita fases de sua investigação a partir de um trabalho, que, longe de ser seminal em sua trajetória, foi um ponto de reflexão no conjunto de sua obra. Dividida em núcleos entrelaçados por similar vocabulário, Gloria discorre influências acumuladas ao longo da vida, num mergulho em sua arqueologia de formação, revelando mentores, admirações e nostalgias, que a levaram inclusive, até o trabalho de seu pai, artista por vocação poética da existência, a quem homenageia dando lugar de honra a um dos seus trabalhos, assim como comentando no vídeo que estará presente na exposição, as impactantes vivências familiares.  Ao focar uma produção intensa para esta exposição de ares monumentais, Seddon se deparou com seu pluralismo como base de sua assinatura, mas também com sua gênese, clara quando vemos a evolução de seu pensamento plástico, o adensamento de sua pintura, a ampliação de seu vocabulário e a experimentação em seus limites de abordagem - ora mais psicológicos, ora narrativos”, diz Murucci.

 

“A artista nos alerta, com sua pintura forte e por vezes dramática, que devemos procurar poesia mesmo num mundo em crise”.

 

Saiba mais sobre a artista

Artista visual, escritora e psicanalista, Gloria Seddon realizou o curso de Especialização em História da Arte e da Arquitetura do Brasil (2003-5), titulou-se Doutora em História Social da Cultura na PUC/RJ (2008-13) e, desenvolveu-se tecnicamente na arte pictórica com Rubem Gerchman e Maria Teresa Vieira (1975-80); e na EAV com Fernando Cocchiarale, Anna Bella Geiger, Luís Ernesto, Afonso Tostes e outros, (1990-2000).

Entre as exposições realizadas destacam-se as Individuais:

“Retrospectiva” Atelier da Artista (1999); “Do sonho à Arte”, Centro Cultural da Universidade Santa Úrsula, (2000); “Erótica”, Sala Antonio Berni, no Consulado da Argentina, (2002), e as coletivas com o Grupo Bikoo-Kai (1998-2009) na Sala A. Berni e no Museu Nacional de Belas Artes (2002); na Exposição “Uma vez a Arte”, Sala A. Berni, com psicanalistas/artistas da Escola Brasileira de Psicanálise – AMP “Os dejetos Du-Champ na Clínica psicanalítica” (2011); na Galeria Zagut, curadoria de Augusto Herkenhoff (2019-22);  em O Lugar (2019-23); no “Festival Internacional de Esculturas – RJ”, Centro Cultural dos Correios Rio, curadoria de Paulo Branquinho (jun./ago. 2019); no Museu da República, “Criarte” curadoria de Martha Niklaus (2019) e “Zum Zum “, curadoria Frederico Dalton (2019);  no Espaço Cultural dos Correios Niterói, curadoria de Norma Mieko Okamura, “Biozius”, (2022); na Triplex, curadoria de Raimundo Rodrigues (2023); “Paisagem do Mundo Partido”, curadoria de Alexandre Murucci no Espaço Cultural dos Correios – Niterói (2023-24).

Fundadora do Fórum de Artes e Políticas e do Bloco Vade Retro, participou de “leilões” bienais de arte (2003-2019).

Em 11 de abril de 2023, foi agraciada com a Medalha de Criatividade na Exhibition in the Dundas Street Gallery, Artcom Expo, em Edinburgh, na Escócia.

 

Serviço

“Paisagem de um Mundo Partido”

Artista: Gloria Seddon

Curadoria: Alexandre Murucci

Edifício Argentina – Sala Antonio Berni – Consulado da República Argentina no Rio de Janeiro

Abertura: dia 7 de março, das 17h às 21h

Visitação: do dia 8 de março a 19 de abril de 2024.

Funcionamento: de segunda a sexta, das 10h às 17h

Endereço: Praia de Botafogo, 228/sobreloja – Botafogo – RJ

Contatos artista: @gloriaseddon.artista/(21) 98878-4833.

* Os horários podem variar em função de férias e feriados. Recomendamos ligar antes para verificar.
Compartilhe
Comente
Mais Opções em "Rio de Janeiro"
1500 BABILÔNIA GALERIA - “Redesenhos” é mostra de série inédita do fotógrafo Edouard Fraipont composta de sete imagens e um vídeo. Ele explora o conceito de fotoperformance, em parceria com a coreógrafa e bailarina Alexandra Naudet, e propõe figuras redesenhadas pelo movimento do
Saiba mais
A Gentil Carioca - Fundado em setembro de 2003 pelos artistas plásticos Ernesto Neto, Franklin Cassaro, Laura Lima e Márcio Botner, esse espaço para a arte contemporânea representa e mantém em acervo obras dos artistas Thiago Rocha Pitta, João Modé, Jarbas Lopes, Paulo Nenf
Saiba mais
ALMACÉN GALERIA DE ARTE BARRA DA TIJUCA - Estabelecida no CasaShopping, na Barra da Tijuca, desde 1986, a galeria mantém em acervo obras de Tomie Ohtake, Cildo Meireles, Antonio Dias, Marco Coelho Benjamim, Fernando Velloso, Walter Goldfarb, Cruz-Diez, Jussara Age, Yuli Geszti, Silvio Baptista, H
Saiba mais
AMARELONEGRO ARTE CONTEMPORÂNEA - O artista curitibano Juan Parada apresenta na exposição “Teto Verde” uma grande instalação. A obra, que tem o formato de uma casa, está disposta de cabeça para baixo. Destaque para o teto verde, no qual o a terra está por cima e as plantas crescem para ba
Saiba mais
Anna Bella Geiger – Entre o relevo e o recorte -
Saiba mais
ANTIGA FÁBRICA DA BHERING - O espaço onde funcionava a ex-fábrica de chocolates Bhering, abriga 52 ateliês de artistas e 22 pequenas empresas do ramo cultural. O maquinário e as antigas instalações da fábrica servem de inspiração para criação e também são incorporados aos trabalhos
Saiba mais
Argus -
Saiba mais
ATELIER CURVELO - Instalado em um casarão de 1896 com vista para a Baia de Guanabara, em Santa Teresa, o espaço abriga criações do artista plástico Zemog e peças de sua esposa, a designer Rita Dias. Zemog usa materiais nada nobres como tampinhas de refrigerante, espelhos e
Saiba mais
BIBLIOTECA NACIONAL - O prédio, em estilo neoclássico, foi projetado pelo arquiteto Francisco Marcelino de Souza Aguiar. Inaugurado em 1910, reúne um acervo de cerca de nove milhões de peças, entre raridades como a Bíblia de Mogúncia, impressa em 1462, a edição dos Lusíadas de
Saiba mais
Casa-Tempo: Assentamentos -
Saiba mais
Circuito de arte contemporânea do museu do açude ganha obras permanentes- CIRCUITO DE ARTE CONTEMPORÂNEA DO MUSEU DO AÇUDE GANHA OBRAS PERMANENTES DE WALTERCIO CALDAS, ANGELO VENOSA E JOSÉ RESENDE
Saiba mais
ESPAÇO CULTURAL MUNICIPAL SÉRGIO PORTO - O local é um dos espaços culturais mais interessantes do Rio. Integra a Rede Municipal de Teatros da Secretaria Municipal de Cultura. Tem uma programação variada, com exposições de arte, palestras, debates, workshops, espetáculos de teatro, recitais de po
Saiba mais
EXPOSIÇÃO BLOCO DO PRAZER -
Saiba mais
Exposição YVY MARÃEY - A TERRA SEM MALES -
Saiba mais
FUNDAÇÃO CASA DE RUI BARBOSA - A mansão onde está instalado o museu, construída em 1849, em estilo neoclássico, serviu de residência a Rui Barbosa (1849-1923) durante os últimos 28 anos de sua vida. Possui um acervo de 1.400 peças de mobiliário, objetos decorativos e de uso pessoal e p
Saiba mais
Galeria Valdir Teixeira -
Saiba mais
Mão de Vaca -
Saiba mais
Os Artivistas: Carlos Scliar e Cildo Meireles -
Saiba mais
Os Super Heróis Negros -
Saiba mais
TROMBA D’ÁGUA -
Saiba mais