Carregando... aguarde
AMAZONIA-2021-12-17 - Guia das Artes
"AMAZÔNIA"
Evento encerrado
"AMAZÔNIA"
Quando aconteceu
Sexta, 17 Dezembro até Domingo, 06 Fevereiro
Local
Centro Cultural Correios RJ
Rua Visconde de Itaboraí, 20, Centro
Conteúdo

 

"Amazônia" promove viagem sensorial de sons, cheiros, cores e luzes, e conscientização sobre a proteção do bioma, com curadoria da Tartaglia Arte

 

A Floresta e os Corais da Amazônia são o tema da nova exposição da artista plástica Cristina Jobim, "Amazônia", dividida em salas compostas por obras de diversos tamanhos, em acrílico sobre tela, proporcionando aos visitantes uma inédita viagem sensorial, com sons, cheiros e uma explosão de cores e luzes, que saem das telas e ganham vida, encantando visualmente, provocando emoções diversas e a certeza de que proteger esse bioma é fundamental para o futuro.

Com curadoria de Riccardo Tartaglia e Regina Nobrez, da Tartaglia Arte, "Amazônia" abre no próximo dia 16 de dezembro, no Centro Cultural Correios RJ.

O espaço expositivo  'Floresta Amazônica'  trará  telas de grandes e médios tamanhos e, no espaço expositivo 'Corais da Amazônia', uma parede sobre os corais, com 36 obras de pequenas dimensões , atuando isolada e simultaneamente, de modo a despertar a essencialidade de cada elemento que compõem o universo do bioma amazônico e a contribuição individual de cada um deles para a existência do todo.

A obra de Cristina Jobim não mostra a influência de outros artistas, porque sua arte e técnica são frutos de pesquisas e experimentações próprias, resultado de sua inquietude em relação às cores e comportamento das mesmas em superfícies e densidades diferentes.

Em "Amazônia", há uma forma de protesto, porque a Arte reflete a vida. "Penso que neste momento em que vivemos, todos temos que destacar a importância da Amazônia, trazendo seus elementos para a luz, para a ótica crítica do espectador, resgatando o que a humanidade tem de mais precioso, que é a vida", afirma Jobim.

Sobre Cristina Jobim

Cristina Jobim nasceu em Salvador, vive no Rio de Janeiro há 25 anos e atua no segmento de Tecnologia da Informação. Começou a pintar aos seis anos de idade. Já pintou cerâmica, bandejas de madeira, utilitários, peças de decoração, que  compõem seu acervo pessoal e o de amigos. Tem no bairro de Copacabana, a praia, o mar, o sol e as flores, a natureza como inspiração. Procura a poesia das cores, as formas que dão o primeiro insight para a criação de uma obra.
 
Possui obras em 4 países:  Alemanha, Brasil, Itália e Portugal, e alguns prêmios acumulados em sua carreira artística. Atualmente tem a Amazônia brasileira como inspiração principal e forma de conscientização.

A técnica de Cristina Jobim

Acrílico sobre tela, bem difundida, uma opção clássica. Em busca de encontrar harmonia, de despistar as sombras, de iluminar os caminhos do olhar abstrato se vê a força da arte presente nos quadros. As composições de cor conversam, convivendo sem roubar a cena.

É como num jogo de encantamento, que provoca movimento no quadro, fazendo com que seu observador seja livremente conduzido. A ideia é de que se considere que o mesmo quadro leve a caminhos diferentes, interagindo com o estado de espírito de seu observador. Um padrão de início sem destino previsto, sequer conhecido.


Sobre a Tartaglia Arte

A Tartaglia Arte foi fundada em 1950 como um estúdio de pintura pelo artista Piero Tartaglia, então conhecido como Piery. Após alguns anos, criou um ponto de referência e encontro cultural com outros artistas e jovens talentos onde, sob a orientação do Mestre, desenvolveram seu estilo pessoal. A paixão avassaladora de Tartaglia  pela expressão pictórica com explosões de cor pura e contrastes violentos que tornam a tela viva, deu vida à Escola do Disgregacionismo.  Posteriormente fundou as Galerias, para exposição permanente de seus trabalhos e os de seus alunos, e que hoje são dirigidas pelo filho Riccardo.

O amor pela arte e uma visão cultural ampla são as peculiaridades deste grande artista, e representam sua herança moral e espiritual. Herança que continua sendo representada por Riccardo Tartaglia, que trabalha com a mesma seriedade e tenacidade na propagação da arte, através de exposições e eventos internacionais. Mas tudo com a assinatura de Riccardo Tartaglia e Regina Nobrez (Membro da Academia de Belas Artes do Rio de Janeiro e Embaixatriz Cultural com Honoris Causa, pela Assembleia Legislativa de Santa Catarina - Honra da Arte de Florianópolis), o que confere um atestado de credibilidade e sensibilidade criativa.

Site: tartagliaarte.org

 

Serviço

Exposição: "AMAZÔNIA"
Artista: CRISTINA JOBIM
Instagram: @cristinajobim.art
Curadoria: Riccardo Tartaglia e Regina Nobrez - Tartaglia Arte
Instagram: @reginanobreztartaglia @tartagliaarte
Local: Centro Cultural Correios RJ (Rua Visconde de Itaboraí, 20, Centro, RJ)
Abertura: 16 de dezembro de 2021 às 17h
Visitação: 17 de dezembro de 2021 a 06 de fevereiro de 2022
Dias e horários: terça a sábado, das 12h às 19h
Censura Livre
Acesso Gratuito
Acessibilidade: Sim

* Os horários podem variar em função de férias e feriados. Recomendamos ligar antes para verificar.
Fotos
Compartilhe
Comente
Mais Opções em "Rio de Janeiro"
"CONEXÕES" - Exposição montada em contâiners marítimos abre dia 16 de julho no Horto do Fonseca, em Niterói
Saiba mais
"Madureira em Transe" - Exposição entra em cartaz neste sábado (6/8) no Sesc Madureira
Saiba mais
"Pinturas" - Espaço de Arte e Design Boho abre a exposição de Pat Freire, com óleos sobre tela em grandes formatos e aquarelas, expressando seu imaginário a partir de um olhar criativo sobre a natureza.
Saiba mais
1500 BABILÔNIA GALERIA - “Redesenhos” é mostra de série inédita do fotógrafo Edouard Fraipont composta de sete imagens e um vídeo. Ele explora o conceito de fotoperformance, em parceria com a coreógrafa e bailarina Alexandra Naudet, e propõe figuras redesenhadas pelo movimento do
Saiba mais
A Gentil Carioca - Fundado em setembro de 2003 pelos artistas plásticos Ernesto Neto, Franklin Cassaro, Laura Lima e Márcio Botner, esse espaço para a arte contemporânea representa e mantém em acervo obras dos artistas Thiago Rocha Pitta, João Modé, Jarbas Lopes, Paulo Nenf
Saiba mais
ALMACÉN GALERIA DE ARTE BARRA DA TIJUCA - Estabelecida no CasaShopping, na Barra da Tijuca, desde 1986, a galeria mantém em acervo obras de Tomie Ohtake, Cildo Meireles, Antonio Dias, Marco Coelho Benjamim, Fernando Velloso, Walter Goldfarb, Cruz-Diez, Jussara Age, Yuli Geszti, Silvio Baptista, H
Saiba mais
AMARELONEGRO ARTE CONTEMPORÂNEA - O artista curitibano Juan Parada apresenta na exposição “Teto Verde” uma grande instalação. A obra, que tem o formato de uma casa, está disposta de cabeça para baixo. Destaque para o teto verde, no qual o a terra está por cima e as plantas crescem para ba
Saiba mais
ANTIGA FÁBRICA DA BHERING - O espaço onde funcionava a ex-fábrica de chocolates Bhering, abriga 52 ateliês de artistas e 22 pequenas empresas do ramo cultural. O maquinário e as antigas instalações da fábrica servem de inspiração para criação e também são incorporados aos trabalhos
Saiba mais
ARTE DE CÓDIGO ABERTO -
Saiba mais
ATELIER CURVELO - Instalado em um casarão de 1896 com vista para a Baia de Guanabara, em Santa Teresa, o espaço abriga criações do artista plástico Zemog e peças de sua esposa, a designer Rita Dias. Zemog usa materiais nada nobres como tampinhas de refrigerante, espelhos e
Saiba mais
BIBLIOTECA NACIONAL - O prédio, em estilo neoclássico, foi projetado pelo arquiteto Francisco Marcelino de Souza Aguiar. Inaugurado em 1910, reúne um acervo de cerca de nove milhões de peças, entre raridades como a Bíblia de Mogúncia, impressa em 1462, a edição dos Lusíadas de
Saiba mais
Circuito de arte contemporânea do museu do açude ganha obras permanentes- CIRCUITO DE ARTE CONTEMPORÂNEA DO MUSEU DO AÇUDE GANHA OBRAS PERMANENTES DE WALTERCIO CALDAS, ANGELO VENOSA E JOSÉ RESENDE
Saiba mais
ESPAÇO CULTURAL MUNICIPAL SÉRGIO PORTO - O local é um dos espaços culturais mais interessantes do Rio. Integra a Rede Municipal de Teatros da Secretaria Municipal de Cultura. Tem uma programação variada, com exposições de arte, palestras, debates, workshops, espetáculos de teatro, recitais de po
Saiba mais
FUNDAÇÃO CASA DE RUI BARBOSA - A mansão onde está instalado o museu, construída em 1849, em estilo neoclássico, serviu de residência a Rui Barbosa (1849-1923) durante os últimos 28 anos de sua vida. Possui um acervo de 1.400 peças de mobiliário, objetos decorativos e de uso pessoal e p
Saiba mais
Galeria Valdir Teixeira -
Saiba mais
Portinari Raros -
Saiba mais
Sebastião Salgado - Amazônia - Exposição que já impactou o público em Paris, Londres, Roma e São Paulo, chega em 19 de julho ao Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro
Saiba mais
“Fronteiras” -
Saiba mais
“Triagem” -
Saiba mais