Carregando... aguarde
Expedição ao deserto-2017-08-05 - Guia das Artes
Expedição ao deserto
Evento encerrado
Expedição ao deserto
Quando aconteceu
Sábado, 05 Agosto até Domingo, 17 Setembro
Local
Instituto Tomie Ohtake
Av. Brigadeiro Faria Lima, 201 (entrada pela Rua Coropés, 88) Pinheiros
Conteúdo

A série fotográfica “Expedição ao Deserto”, com 27 imagens, é resultado de experiências imersivas de Geórgia Kyriakakis em São Paulo. Neste projeto contemplado pelo ProAc, a artista visita e fotografa áreas movimentadas da cidade quando estão totalmente desertas em virtude de feriados, campeonatos esportivos, tensões políticas, climáticas, entre outras razões. Suas expedições consistem em estar onde ninguém está ou não estar onde todos estão – tal como um desvio numa rota previsível ou num fluxo programado.

Para Kyriakakis esse movimento – que paradoxalmente encontra o isolamento em espaço público – é um deslocamento em direção a uma situação singular de tempo e espaço na qual a paisagem e as características da cidade são transformadas radicalmente. “As fotos, revelam o silêncio, a imobilidade e a inatividade que habitam o lugar como potência e possibilidade. Elas suscitam imagens arquetípicas de cidades vazias e abandonadas e criam um desajuste naquilo que julgamos familiar e cotidiano no reconhecimento da cidade”, completa.

A primeira expedição foi realizada em 21 de fevereiro de 2012, uma terça-feira de carnaval, no centro de São Paulo. Uma segunda série foi obtida na Zona Oeste de São Paulo, nas avenidas Dr. Arnaldo, Sumaré e Heitor Penteado, durante a abertura da Copa do Mundo no Brasil, em 12 de junho de 2014. A terceira expedição foi realizada no Bom Retiro, no 1o dia de 2017.

As 27 imagens são compostas em três grupos de nove nos quais, impressas nos vidros que emolduram cada conjunto, estão recortadas palavras, com jato d’água de alta pressão, formando a frase: “estar onde ninguém está” e “não estar onde todos estão”. A interação da linguagem verbal com os materiais usados nos trabalhos é um procedimento recorrente na trajetória da artista para explorar as relações entre a virtualidade da imagem e a concretude do mundo.

Contato
Telefone: +55 (11) 2245-1900
* Os horários podem variar em função de férias e feriados. Recomendamos ligar antes para verificar.
Como chegar
Compartilhe
Comente
Mais Opções em "São Paulo"
0,0Km - Instituto Tomie Ohtake - Foi construído especialmente para realizar diversas mostras.
Saiba mais
0,1Km - A CASA – Museu do objeto brasileiro - É um museu localizado em São Paulo.
Saiba mais
0,3Km - Tu Mercado de Arte e Moda - É um espaço localizado em São Paulo.
Saiba mais
0,5Km - Galeria Estação -
Saiba mais
0,5Km - Centro Brasileiro Britânico- O complexo foi projetado por Botti Rubin e conta com galerias, biblioteca, restaurante e salas de reunião de algumas instituições, entre as quais está o Consulado Geral Britânico e a BBC.
Saiba mais
0,5Km - Bolsa de Arte - SP - A Galeria Bolsa de Arte de Porto Alegre iniciou suas atividades no ano de 1980.
Saiba mais
0,6Km - Galeria Millan - Quando de sua fundação, em 1986, a Galeria Millan buscava apresentar relações entre a produção dos artistas contemporâneos que representava e os artistas modernos que influenciaram sua formação.
Saiba mais
0,6Km - Galeria Tato - Fundada em 2010 por Tato DiLascio, a Galeria TATO trabalha com artistas efervescentes e multidisciplinares, sendo estes brasileiros ou internacionais, jovens ou já consolidados, que guardam grande afinidade com as questões atuais da arte contemporânea — e
Saiba mais
0,6Km - Raquel Arnaud - a Galeria Raquel Arnaud foi criada em 1973, com o nome de Gabinete de Arte.
Saiba mais
0,7Km - Museu da Pessoa - O Museu da Pessoa foi fundado em São Paulo, em 1991,
Saiba mais
3,7Km - Toyota – O Ritmo do Espaço - O Ritmo do Espaço revisita o trabalho do artista desde a década de 1950
Saiba mais
3,9Km - HISTÓRIAS AFRO-ATLÂNTICAS - Ao longo de todo o ano de 2018, o MASP dedica seu programa de exposições e atividades às histórias e narrativas afro-atlânticas.
Saiba mais
3,9Km - Acervo em Transformação - A volta dos radicais cavaletes de cristal de Lina Bo Bardi à exposição do acervo apresenta uma seleção de obras provenientes de diversas coleções do museu, abrangendo um arco temporal que vai do século 4 a.C. a 2008. Os cavaletes tiveram sua estreia na ab
Saiba mais
4,3Km - Ismael Nery: feminino e masculino - Entre os trabalhos selecionados estão nus, figuras humanas, retratos e autorretratos, que trazem à tona a personalidade de um artista voltado para o exercício simultâneo de diferentes linguagens formais de seu tempo, como o cubismo, o expressionismo e o s
Saiba mais
5,8Km - JAMAICA, JAMAICA! - Jamaica, Jamaica! - uma exposição concebida pela Cité de la musique - Philharmonie de Paris, produzida e realizada pelo Sesc São Paulo
Saiba mais
6,3Km - Galeria Tatil na Pinacoteca de Sâo Paulo - A Pinacoteca do Estado apresenta exposição com 12 esculturas táteis, em bronze, que fazem parte do acervo do museu
Saiba mais
6,4Km - ESCULTURAS NO PARQUE DA LUZ- O Parque da Luz, também conhecido como Jardim da Luz, conta com área de aproximadamente 113 mil m² . Foi criado como horto botânico por uma Ordem Régia da Coroa Portuguesa em 19 de novembro de 1798 foi aberto ao público em 1825 como Jardim Botânico já no
Saiba mais
6,8Km - Galeria José e Paulina Nemirovsky - Arte Moderna - A mostra é uma reorganização e ampliação da exposição sobre o Modernismo.
Saiba mais
6,8Km - Arte no Brasil: Uma história na Pinacoteca de São Paulo. Vanguarda brasileira dos anos 1960 - Coleção Roger Wright - A mostra de longa duração celebra o comodato de 178 obras estabelecido em março de 2015 entre a Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo, a Pinacoteca e a Associação Cultural Goivos, responsável pela Coleção Roger Wright.
Saiba mais
6,8Km - Galeria José e Paulina Nemirovsky - Arte moderna - Essa é uma exposição única e especial, que percorre grande parte do cenário histórico-cultural brasileiro do século XX. Sem contar que ampliamos de 49 para 110 obras essa mostra, todas emblemáticas e de reconhecimento internacional. Estamos muito satisfei
Saiba mais