Carregando... aguarde
LITERATURA NA CULTURA SAMBÍSTICA - “Sambando em Verso, em Prosa...” - Guia das Artes
LITERATURA NA CULTURA SAMBÍSTICA - “Sambando em Verso, em Prosa...”
LITERATURA NA CULTURA SAMBÍSTICA - “Sambando em Verso, em Prosa...”
“Sambando em Verso, em Prosa...” é o livro de estreia de Wesley Nóog na literatura, será lançado em Fórum Virtual no dia 1º de outubro
inserido em 2021-09-17 19:38:59
Conteúdo

 

O multi-performático Wesley Nóog diversifica seus talentos e promove o lançamento do seu primeiro livro, “Sambando em Verso, em Prosa...”, onde reúne farto material literário com um olhar poético sobre a realidade que o cerca nos últimos 20 anos de trajetória artística.

O evento será ONLINE no dia, 1º de outubro, pela plataforma Zoom, às 20H. A proposta para esse lançamento é realizar um FÓRUM VIRTUAL, uma roda de conversa reunindo poetas, jornalistas, escritores, sambistas e produtores culturais, com mediação do jornalista Marcelo Faria, do Portal Sambrasil – Maior Portal de Notícias, Entretenimentos, Pesquisas e Referências sobre o Mundo do Samba.

Será um marco histórico para CULTURA SAMBÍSTICA, promovendo e incentivando a renovação no meio literário, fortalecendo nossa original e maior expressão cultural que é o SAMBA, onde temos três grandes representantes, os mestres Martinho da Vila, Nei Lopes e Haroldo Costa.  Propiciando aos escritores do mundo, que tenham suas obras escritas e guardadas, mas, não publicam, na maioria das vezes por falta de incentivo e recursos financeiros.

“A sutileza dos meus versos e prosas, mesclados com a clareza que proponho reflexões em prol de um mundo melhor no presente e no futuro, salvaguardando a memória ancestral, me dá a certeza de que sairemos fortalecidos dessa pandemia e reformulados em nossas condutas.”. Cita Wesley Nóog.

 

SOBRE O LIVRO

“Sambando em Verso, em Prosa...” contém 78 poesias e poemas, ilustrados com os desenhos da artista plástica norte-americana, Mary Annetti Overby, esposa do nosso brilhante poeta trovador e menestrel, multi-instrumentista, cantor e compositor. É o seu quadro poético com tinta e pincel encontrados à beira da estrada existencial, limite tênue entre a vida e a morte do dia a dia; experiências e vivências que ensinam viver melhor e aproveitar a existência em seu mais alto grau como a maior dádiva da natureza. Será lançado pela editora Mabras Music & Arts em parceria com a Livraria Casa da Árvore e o Portal Sambrasil e assessoria de imprensa da Agência Sambrasil, sob a gestão do jornalista Marcelo Faria.

Seguem alguns trechos do livro para aguçar a curiosidade do leitor desta bela obra literária.

“...amor de passarela, que ao passar é difícil engaiolar,

passa feito rio corrente das águas doces de Oxum,

embalando o corpo de quem ama à rede ao luar,

embala a vida em paz com Oxalá na força de Ogum...” - Amor de passarela

 

“...o ser humano é um animal que surpreende,

pelo seu estado falho resultante do carma,

a fala sobressaltada vira gaiola que o prende,

pelo visgo sutil e armadilhas que a vida arma..”  - Humano

 

Reverenciando os mestres, Almir Guineto e Zeca Pagodinho, com carinho!

“...sabendo que o samba no terreiro tem que ser franco,

não acabará, semente boa brota onde se quer ouvir;

samba criança, jovem e preto velho de cabelo branco,

                                              há sempre alguém querendo um samba do Zeca ou do Almir,...”  -  Casa de Sambista

 

 

As orelhas do livro foram escritas por:

Onésio Meirelles, jornalista, escritor, advogado e produtor cultural, dentre as suas diversas obras, destaca-se “Zé Ketti e suas andanças por aí”, uma biografia muito sutil e original deste grande sambista. Ele destaca:

“Seus poemas são profundamente tocantes, recheados de metáforas

e comparações que fazem a gente ficar pensando o tempo todo ao lê-los.”

Nkongo Divwa, poeta, compositor, produtor cultural e idealizador do Kolombolo diá Piratininga e Memória do Samba Paulista, também ressalta a obra de Nóog:

“A reza africana dos Kongos com a voz dos cânticos é o samba. As palavras herméticas

de suas prosas e versos escritos na tábua de esmeraldas, vem rompendo o silêncio das nossas almas.”.

 

O ARTISTA

Wesley Nóog tem 20 anos de carreira e é um dos artistas de samba e do soul mais respeitados do Brasil. Com letras inteligentes e harmonias bem construídas, sua música se destaca no cenário musical nacional e internacional, com turnês entre Europa e Estados Unidos, e encontros com artistas como Seu Jorge, Zeca Baleiro, Jair Rodrigues, Chico César, Nando Reis, Olodum, entre outros.

Inclusive para a vertente do samba, o SAMBASOUL, ele é o único de sua geração que fez a junção com base cientifica e inspiradora, o que está bem claro em seus álbuns e em constante mutação, mas, mantendo os pés nas raízes.

Com influência do rock e soul norte-americanos e do samba brasileiro, Nóog tem sete discos lançados, sendo os dois primeiros com as bandas Swing & Cia e Fankalha. Seus álbuns solos anteriores são “Mameluco Afro Brasileiro” (2008, que teve mais de 1 milhão de downloads), “Sou Assim” (2013), “Reinício” (2017) e o atual, “O Samba é da Gente”, que sai pelo seu novo selo, Mabras Música e Arte. O jornalista Gilberto Dimenstein classificou o trabalho de Wesley como uma das maiores inovações da nova geração da música. Dando-lhe o carinhoso e nobre chamamento de o “Rei do Sambasoul”.

A voz aveludada, com o timbre diferenciado, o jeito suingado de cantar, além da qualidade, consistência e versatilidade das composições, de Wesley Nóog, chamaram a atenção do jornalista Marcelo Faria, do Portal Sambrasil, uma grande referência do jornalismo quando o assunto é samba.

 

“Nóog traz a experiência de quem domina o seu ofício, revela a inovação

 mesclada com a tradição, com extremo respeito pelo samba de raiz.”.

Jornalista Marcelo Faria

 

Nóog tem uma relação forte com os movimentos populares e uma atuação social marcante enquanto artista.

“Existe uma coisa chamada Geografia da dor: Onde os recursos materiais são escassos, nasce uma arte catártica, com possibilidade de autotransformação, tanto da pessoa quanto da realidade onde ela está inserida”, lembra ele.

“Existem artistas que venceram essa condição, como Djavan, Tim Maia, Gilberto Gil; vieram da periferia com um poder criativo muito grande. A música é um remédio para todos os males e dá forças para continuar a caminhada”, analisa o cantor e compositor.

Nóog também produz o projeto “Pôr do Samba” com a “Roda Jardim Suspenso”, já com 5 anos de atuação na Praia do Arpoador.

REDES SOCIAIS DO ARTISTA:

Facebook: https://www.facebook.com/wesleynoog/   

Instagram: https://www.instagram.com/wesleynoog/   

YouTube: https://www.youtube.com/c/WesleyN%C3%B3og

 

SERVIÇO: Lançamento do livro “Sambando em Verso, em prosa”, de Wesley Nóog, em Fórum Virtual pela plataforma ZOOM.

Dia: Sexta-feira, 1º de outubro de 2021

Horário: às 20h

Plataforma de videoconferência: ZOOM - mais próximo do evento será disponibilizado o link de acesso

Editora: Mabras Music & Arts

Parceria: Livraria Casa da Árvore

               Portal Sambrasil

Assessoria de Imprensa: Agência Sambrasil

Marcelo Faria e Julia Fernandes - Agência Sambrasil

Telefones: (21) 98482-5893 / (21) 98314-9007 - https://www.facebook.com/sambrasilagenciadecomunicacao

Compartilhe
Comente
Últimos eventos
Qua
27/Jul
Bruno Almeida Maia , em entrevista para o GuiaDasArtes - Bruno Almeida Maia , ministrante do curso Constelações Visionárias , a relação entre moda , arte e filosofia nos concedeu a ótima entrevista que se segue :
Saiba mais
Dom
31/Jul
Circuito de arte contemporânea do museu do açude ganha obras permanentes- CIRCUITO DE ARTE CONTEMPORÂNEA DO MUSEU DO AÇUDE GANHA OBRAS PERMANENTES DE WALTERCIO CALDAS, ANGELO VENOSA E JOSÉ RESENDE
Saiba mais
Ter
24/Ago
MIS-PR recebe exposição itinerante do 14º Prêmio New Holland de Fotojornalismo -
Saiba mais
Qua
01/Set
O JARDIM DE AMELIA -
Saiba mais
Sex
10/Set
IN.Visível Sagrado -
Saiba mais
Sex
10/Set
O Sertão Virou Mar -
Saiba mais
Sex
17/Set
"Amor Arte é Vida" -  Exposição "Amor Arte é Vida" abre no Città America para apresentar o Projeto Arte Vida Arte
Saiba mais
Sáb
18/Set
GALERIA SÃO PAULO FLUTUANTE REÚNE OBRAS DE CINCO CERAMISTAS NA MOSTRA “TRANSMUTAÇÃO” -
Saiba mais
Sáb
18/Set
Poesia Experimental Portuguesa em exposição no Centro Cultural São Paulo -
Saiba mais
Seg
27/Set
ESPELHOS - ESPELHOS INSTIGA REFLEXÕES DIANTE DE UMA REALIDADE PÓS-PANDÊMICA
Saiba mais