Carregando... aguarde
Galeria de Arte Nello Nuno reabre com duas exposicoes ineditas-2021-02-10 - Guia das Artes
Galeria de Arte Nello Nuno reabre com duas exposições inéditas
Evento encerrado
Galeria de Arte Nello Nuno reabre com duas exposições inéditas
Quando aconteceu
Quarta, 10 Fevereiro até Domingo, 07 Março
Local
Galeria de Arte Nello Nuno
Rua Getúlio Vargas, 185 - Rosário
Conteúdo

 

A Galeria de Arte Nello Nuno, pertencente à Fundação de Arte de Ouro Preto | FAOP, reabriu na última sexta-feira com duas exposições inéditas, seguindo todos os protocolos de segurança.

A galeria principal recebe a exposição “O caos nosso de cada dia”, de Daniel Nery (conhecido anteriormente como Daniel Jack). O mineiro, formado em design gráfico, explora nas obras da exposição as multiplicidades das linguagens dos meios de comunicação e da arte de massa, a partir de recortes e sobreposições de imagens de diferentes escalas, brincando com as improváveis formas que uma colagem pode assumir, na tentativa de trazer à tona o que muitas vezes passa despercebido no cotidiano. A mostra é composta por 10 obras e 1 intervenção de muralismo na parede, que para Nery “destacam a riqueza estética das camadas de publicidade esquecidas dentre o cinza da cidade”.

Já o paulista M. C. Lux, ocupará a galeria anexa com a exposição “Biblioteca do Futuro Passado Presente'', série de obras produzidas entre 2017 e 2019,  que representam uma reflexão sobre os tempos, “num emaranhado de contradições, criações e ironias”, como descreve o artista. As obras são resultado de um processo que iniciou como apropriação e ressignificação de conteúdos em colagens, mas posteriormente evoluíram para outros formatos dentro do mesmo conceito.

A exposição é composta por uma série de 13 criações, que incluem colagens, pinturas, ilustrações e modelagem. A proposta é uma reflexão sobre a vida, o tempo e os dilemas que envolvem nossas ações pautadas no que conhecemos em oposição aos conhecimentos adquiridos por nossas ações. “São obras que nos provocam os seguintes dilemas: aceitar o passado ou moldá-lo às novas convicções? Projetar o futuro ou se lançar rumo ao desconhecido? Eis a conclusão: Resta-nos o pensamento”, revela o paulista.

Com entrada gratuita, ambas as exposições acontecem até o dia 07 de março e podem ser visitadas de terça a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h às 17h; e aos sábados e domingos, das 13h às 17h; na Rua Getúlio Vargas, 185, Bairro Rosário, em Ouro Preto.

Mais informações: assessoriadecomunicacao@faop.mg.gov.br[

Fonte: https://www.soubh.com.br/noticias/cultura/galeria-arte-nello-nuno-duas-exposicoes-ineditas

Contato
+55 31 3552-2480


assessoriadecomunicacao@faop.mg.gov.br
* Os horários podem variar em função de férias e feriados. Recomendamos ligar antes para verificar.
Compartilhe
Comente
Mais Opções em "Minas Gerais"
Bruno Almeida Maia , em entrevista para o GuiaDasArtes - Bruno Almeida Maia , ministrante do curso Constelações Visionárias , a relação entre moda , arte e filosofia nos concedeu a ótima entrevista que se segue :
Saiba mais
Casa dos Contos - O maior objetivo desta casa é preservar a historia do Ciclo do Ouro e também promover a cultura nacional
Saiba mais
Museu Casa Guignard - Seu acervo reúne obras do autor, além de objetos por ele pintados e peças que ilustram sua vida e oferece visão ampla sobre a trajetória do mestre.
Saiba mais
Museu da Inconfidência - O museu é dedicado à preservação da memória da Inconfidência Mineira (1789)
Saiba mais
Museu das Reduções - O acervo do Museu é composto de 29 réplicas perfeitas de monumentos edificados do Brasil.
Saiba mais
Museu de Arte Sacre do Carmo - O Museu conta com acervo formado por diferentes irmandades, confrarias e associações religiosas, que começa a ser organizado a partir de 1984. As 8 mil peças dos séculos XVII, XVIII e XIX permitem o acesso à arte sacra do Brasil colônia.
Saiba mais
Museu de Ciencia e Técnica da Escola de Minas da Universidade Federal de Ouro Preto - Criado no fim do séc. XIX, reúne o expressivo acervo da Escola de Minas, uma das mais antigas escolas de engenharia do Brasil.
Saiba mais
Museu do Aleijadinho - A denominação do Museu é uma homenagem ao grande artista ouropretano Antônio Francisco Lisboa, o “Aleijadinho”, Patrono da Arte no Brasil, filho de Manuel Francisco Lisboa, construtor do Santuário de Nossa Senhora da Conceição.
Saiba mais
Museu do Chá - Grande parte do maquinário utilizado no beneficiamento do chá encontra-se ainda no galpão e é o principal objeto da exposição sobre o tema do chá no Museu.
Saiba mais
Museu do Oratório - Apresenta uma magnífica coleçãode 162 oratórios e 300 imagens dos séculos XVII ao XX.
Saiba mais
Teatro Municipal de Ouro Preto - Era chamado de casa da ópera de Vila Rica.
Saiba mais